O verão acaba de dar adeus, mas, em muitas regiões do Brasil, o calor ainda não deu trégua. Para sobreviver a sensações térmicas que podem ultrapassar os 45 ou até mesmo 50 graus, muita gente continua apostando no uso de ventilador ou ar-condicionado. Não há dúvidas de que os aparelhos garantem aquela refrescada que alivia corpo e mente, mas sabia que eles podem se tornar vilões para os alérgicos?

Pode reparar: basta ligar o ar ou o ventilador em um lugar em que estejam pessoas que costumam sofrer de rinite e afins para começar uma sinfonia de espirros e pigarros. Não é à toa. O ar-condicionado deixa o ar mais seco, fazendo com que a garganta comece a cocar, o nariz passe a escorrer e os olhos a lacrimejar.

O ventilador, então, nem se fala. Basta acioná-lo para ele espalhar a poeira que estiver no ambiente. A impressão que dá é que as partículas de pó miram os alérgicos e sempre acertam!

O que fazer, então? Afinal, os alérgicos não merecem, obviamente, passar calor. Há recursos que podem minimizar os problemas. No caso de quem não dispensa um ar-condicionado, é possível aliviar a secura provocada por ele. Quem tiver um umidificador, pode apelar ao aparelho. Mas soluções caseiras, com recursos que todo mundo tem em casa, também funcionam. Toalhas úmidas no ambiente ou uma bacia cheia de água são bastante eficazes!

Uma outra alternativa para não deixar as mucosas das narinas tão ressecadas, provocando desconforto, é ficar atento à hidratação. Uma solução é fazer diariamente, quantas vezes for possível, lavagem nasal com soluções salinas (como soro fisiológico a 0,9%). Outro cuidado é manter o filtro do ar sempre limpo, de acordo com as orientações do fabricante.

O ventilador requer ainda mais atenção. Como o aparelho coloca o ar em movimento, gera correntes que podem disseminar partículas, principalmente se for usado em ambientes com muita poeira, mofo e sem exposição solar. A solução é só ligar o ventilador em ambientes limpos. E não é higienizar de qualquer forma, não. É preciso passar um pano úmido. Isso mesmo, esqueça a vassoura na hora de cuidar da sala ou do quarto. Ela levanta a poeira!

Não esqueça de limpar sempre as hélices do ventilado e nunca, por mais tentadora que seja a ideia de um ventinho no rosto, direcione a corrente de ar na direção do alérgico. No caso de aparelho instalado no teto, outra precaução deve ser tomada: use sempre o modo exaustor, que direciona o ar para cima.

Com estes cuidados, será possível se refrescar sem acionar o modo alergia.

0537

Você também pode gostar de:

Comments are closed.