Durante muito tempo, o abacate foi considerado um inimigo da alimentação saudável por conta da sua quantidade de gordura e calorias. Entretanto, sabemos atualmente que as tais gorduras da fruta são em sua maior parte monoinsaturadas, ou seja, são benéficas para o organismo e tem demonstrado efeitos benéficos sobre os genes ligados ao câncer.

No Brasil, são produzidas diversas variedades de abacate, mas todas elas contam com alto teor de fibras, potássio, sódio e magnésio. Graças a boa quantidade de vitamina E, o abacate age no corpo como anti-inflamatório natural e antienvelhecimento, além de reduzir os níveis de glicose no sangue; há também alta quantidade de vitamina C que ajuda na metabolização do colágeno, fundamental para uma pele mais bonita e hidratada.

Mas não é só na alimentação que o abacate apresenta vantagens: ele pode ser usado na hidratação dos cabelos, sem oferecer riscos à saúde. A mistura caseira da fruta com mel e leite integral é poderosa para os fios.

E como consumir?

O abacate é bastante versátil, podendo ser consumido tanto em receitas doces como salgadas. Por aqui, as formas mais comuns são a vitamina, batida com leite e açúcar no liquidificador, ou somente amassada com açúcar e/ou limão.

Na culinária mexicana, o alimento é bem popular, principalmente no prato conhecido como guacamole, acompanhamento dos tradicionais nachos: o abacate é amassado até virar purê, adicionando tomate, cebola e temperos como sal, azeite e limão.

Por conta de seu tamanho, o abacate não costuma ser consumido de uma vez. Para evitar o escurecimento da fruta depois de cortada, guarde a parte restante na geladeira com o caroço e envolvida em plástico-filme.

Lembre-se: apesar das gorduras do alimento serem benéficas, é importante consumir com moderação, por conta do seu alto teor calórico. Aproveite a estação e adicione o abacate a sua alimentação!

059

Você também pode gostar de:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *