Diabetes: Cuidando da diabetes de forma saudável.

Tempo de leitura: 2 minutos

A diabetes é uma doença silenciosa que faz centenas de vítimas ao redor do mundo durante todo o ano. Existem dois tipos de diabetes, a diabetes tipo 1 é uma doença crônica onde o pâncreas produz pouca ou nenhuma insulina, ocorrida principalmente entre os adolescentes. E a Diabetes tipo 2 ocorre quando o organismo não produz insulina ou então tem resistência à mesma. Em ambos os casos necessita-se de cuidados diários e prolongados.

A doença, quando aliada a uma alimentação desregrada, agravar totalmente o quadro de saúde do paciente, aumentando os riscos de outros problemas como por exemplo a gangrena, o que resulta, em muitos casos, na necessidade da amputação de um dos membros.

Portanto, cuidar da alimentação a chave para garantir a si o funcionamento do organismo de forma correta, sem quedas ou aumentos nos níveis de glicose, evitando problemas maiores.

Para isso, existe uma vasta lista de alimentos – como frutas e legumes – que podem ser consumidos tranquilamente, pois não oferecem riscos a sua saúde. Mas quais são eles e quais são os benefícios de incluí-los em sua dieta diária?

Antes de tudo é importante pontuar que uma boa dieta deve ser indicada para o paciente pelo seu nutricionista. Dito isto, confira algumas dicas:

  • No café da manhã, dê preferência ao consumo de frutas como a banana, por ser rica em fibras e minerais como o potássio e magnésio. Ao longo do dia, você deve preferir consumir frutas com bagaço, como a laranja, pois elas apresentam maior saciedade, diminuindo as chances de você exagerar e acabar consumindo um doce, por exemplo.
  • Ao ingerir frutas você pode aliar o potencial das mesmas aos nutrientes oferecidos pelos grãos integrais como chia, quinoa e linhaça, por exemplo. Estas contribuem para o controle das taxas glicêmicas e as fibras contidas nelas promovem uma maior sensação de saciedade, auxiliando assim que você mantenha seu peso regular.
  • No almoço e no jantar deve-se evitar o consumo de sal, para evitar o aumento da pressão sanguínea.
  • A carne vermelha é outro exemplo que não pode faltar no seu prato por ser uma fonte rica em proteínas. Você deve ter ciência da escolha de cortes magros, pois estes possuem menos gordura saturada e claro, o alimento deve ser consumido de forma moderada.
  • Legumes e verduras também devem compor seu prato na hora das refeições, quanto mais e mais variados, melhor! Mais cores conferem ao seu organismo a riqueza de nutrientes como fibras, vitaminas, minerais e antioxidantes.
  • Batata doce, feijão, grão de bico também são ótimas opções para você incluir no cardápio.

Seguindo essas dicas com a orientação de seu nutricionista, além de praticar exercícios físicos diários, você com certeza irá garantir uma vida longa, sem maiores complicações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *